Algumas dicas para melhorar sua vida sexual!

Preliminares inexistentes ou muito presentes, frustrações, palhaçadas chatas, rotina instalada e perda de desejo, nem sempre é fácil dizer ao seu parceiro que ele não vai mais dormir. No entanto, a comunicação é essencial dentro de um casal e falar sobre isso é a chave. Aqui estão dez dicas para encontrar um bom relacionamento sexual.

1. Conheça a si mesmo para saber o que você gosta

Muitas pessoas não conhecem seus corpos. Se você não conhece sua anatomia, não saberá do que gosta. Você não pode deixar de ir se não estiver ciente do que está dando ao outro. Portanto, é importante conhecer a si mesmo para conhecer seus desejos. Faça uma lista das coisas que você gosta e do que não gosta, do que você gostaria ou não e das suas fantasias e desejos mais secretos. Em seguida, compartilhe-o com seu parceiro para descobrir o que você gosta.

2. Revele seus desejos e ouça os dos outros

Não tenha tabus sobre seus desejos sexuais. Para que um relacionamento funcione, é importante colocar o dedo no que você mais gosta ou menos para se concentrar no que você gosta e melhorar o que está acontecendo menos bem sexualmente. A comunicação sobre os desejos de todos é importante e melhora a confiança dentro de um casal.

3. Quebre a rotina

Quando a rotina começa, a falta de vitalidade no relacionamento geralmente leva a uma queda na libido. Para remediar isso, tente alterar alguns pequenos detalhes em sua vida diária. Fazer amor em lugares incomuns, em vez de em uma cama, usando objetos, tentando fazer sexo ou trocando seu pijama usual por lingerie sexy são maneiras simples e eficazes de quebrar a monotonia e trazer um pouco de tempero na sua vida amorosa. Tentar coisas novas pode reacender a chama dentro do seu relacionamento.

4. Suponha a mudança

Seus desejos mudam com o tempo e isso é completamente normal. Obviamente, você não tem os mesmos desejos aos 20 e aos 40, e menos ainda após 35 anos de casamento. Portanto, é crucial discutir com seu parceiro e explicar que seus desejos mudaram para que ele possa entender e se adaptar. Assuma a responsabilidade por seus novos desejos e convide sua outra metade para participar.

5. Evite um relacionamento de poder dentro do casal

Se o seu relacionamento for baseado em um relacionamento de poder, a pessoa dominada poderá perder rapidamente a autoconfiança e desaparecer. Ela pode não se atrever a dizer o que a está incomodando ou desagradando, e isso não fará nada para melhorar seu sexo. Cada pessoa do casal deve ser capaz de tomar iniciativas e se expressar completamente. Os sentimentos ou ressentimentos que você tem em relação a si mesmo ou ao seu parceiro serão decisivos para o seu bem-estar sexual.

E caso você ainda queira uma ajuda a mais conheça o estimulante sexual masculino chamado Zyndrox.

6. Para ter intimidade, você precisa de cumplicidade

A falta de comunicação e cumplicidade é prejudicial para a vida sexual. Se você é apenas cúmplice na cama e não mantém seu relacionamento, a chama se apagará e será difícil reacender. A troca em um casal é um agente de doping sexual. Quanto mais ricas suas trocas, maior sua libido.

7. Culpa, uma péssima ideia

Seja para você ou seu cônjuge, a culpa é um sentimento tóxico para o amor. Cada um deve assumir sua parte de responsabilidade, sem roer ou acusar o outro. Se você não quer fazer sexo ou não tem mais as mesmas expectativas, não se sinta culpado. Por outro lado, se você achar difícil sentir prazer ou se não estiver satisfeito com o desempenho do seu parceiro, a culpa não é a solução. O melhor remédio é falar sobre isso, colocar suas expectativas em palavras e encontrar soluções.

8. Todos devem encontrar soluções

Em vez de jogar pedras um contra o outro, pense nos problemas que você está tendo e tente encontrar soluções juntos. Quanto mais você expressar o que deseja, melhor o outro entenderá como preenchê-lo.

9. Não julgue seu parceiro de acordo com seus próprios critérios

Pensar que a outra pessoa necessariamente gosta do que você gosta é um erro. Se um gosta de gritar na cama, o outro pode preferir ficar em silêncio. Se você prestar muita atenção às preliminares, seu parceiro pode favorecer o sexo em si. O mesmo para palavras de porco e posições menos “clássicas”, não é para todos os gostos. Somos todos diferentes e é essencial respeitar os desejos de todos. Portanto, você deve se ouvir com bondade e manter a mente aberta.

10. Fugir do sexo é a pior coisa que você pode fazer

Você quer adormecer cedo ou chegar tarde em casa para evitar ter que fazer sexo com seu parceiro? Fugir nunca é a solução certa. Ao evitar abordar o assunto, você apenas afasta o problema. Pare de ver o sexo como uma obrigação e coloque palavras em palavras sobre como você se sente. Converse com sua outra metade, envolva-se no relacionamento e siga os conselhos listados acima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *